sábado, 25 de fevereiro de 2012

Conky no Debian


Conky em meu CrunchBang Linux
Sempre que utilizo meu notebook por aí as pessoas perguntam que gadget é esse do lado direito do meu desktop. Pois bem, para quem não o conhece esse é o conky, um monitor de informações leve e facilmente configurável através de scripts que exibe, elegantemente, qualquer informação que queiramos diretamente no desktop. Ele vem instalado por padrão no CrunchBang Linux, só que com um layout bem simples.
Instalá-lo no Debian e similares é bastante simples:
$ sudo aptitude install conky
Mas para que ele surja em seu desktop você terá de criar seu arquivo de configuração que fica em seu diretório de usuário com o nome de .conkyrc.
Abaixo está o meu .conkyrc para um visual como o exibido na figura acima: Salve o arquivo conkyrc.txt e renomei-o para .conkyrc no seu diretório de usuário. O ponto na frente do nome do arquivo faz com que o mesmo fique oculto na pasta.
Se você já estiver utilizando o CrunchBang, substituindo o arquivo já existente por esse aí, claro, alterará seu gadget e você não precisará fazer mais nada. Entretanto, se você estiver instalando o conky no Debian padrão, precisará também criar um script para carregar o conky durante a inicialização de sua sessão no login. Esse script está disponível logo abaixo: Renomei-o para .conky_start.sh e torne-o executável com:
$ chmod o+x .conky_start.sh
Agora basta inserí-lo na inicialização da sessão do seu gerenciador de janelas. No Gnome o caminho é aplicativos > Sistema > Preferências > Sessões. Na janela que abrir, clique em Adicionar e em Comando, coloque/home/usuario/.conky_start.sh " onde usuario é a sua pasta de usuário. Clique em OK e marque o item na janela de Sessões para que ele se inicie junto do sistema. Já no XFCE, adicione a entrada Conky em Configurações > Sessão de Inicialização > Início automático de Aplicativos. Em Comando coloque sh /home/seuusuario/.start_conky.sh.

 






Entra no gerenciador de sessão do XFCE
 Mas ainda falta adicionarmos as fontes utilizadas pelo conky. Elas são fontes gratuitas e estão disponível facilmente pela web. Para facilitar as coisas para você, disponibilizo a pasta com todas elas abaixo:
  Descompacte o arquivo e salve a pasta com o nome de .fonts em seu diretório pessoal.
Agora basta fazer logout e iniciar uma sessão novamente para ter o seu conky funcionando.